sábado, 30 de julho de 2016

E três semanas depois, o estágio acaba...

... e chorei baba e ranho quando fui-me despedir do pessoal que me aturou durante esse tempo.


E ficou a promessa que para o ano eu voltarei...

Um bem-haja à equipa do serviço! Que mantenham o profissionalismo e a boa disposição que tanto apreciei.


Porque afinal não há trabalho melhor que aquele em que se está motivada.

sexta-feira, 22 de julho de 2016

sambando na cara de alguém em 3...2...

Pois muito bem...

Comecei na semana passada, mesmo com um braço engessado, um estágio num hospital cá da zona, um daqueles estágios em que pretendo mesmo apalpar terreno para um dia ficar cá a trabalhar.

Antes de ontem cruzei-me com uma enfermeira que foi minha colega de turma, que me espeta dois beijos na cara:

- Alimaaaaaaa... quanto tempoooooo! De batinha branca??? Quer dizer, eu já sabia que estavas em medicina, vi pelo facebook da Ana Não Sei Quê e...

- Desculpa... não estou a ver realmente quem tu és... a tua cara não me é estranha mas...

- Como não te lembras de mim? Éramos do mesmo grupo das práticas de Fundamentos e de Médico Cirurgica no 1º e 2º ano!!! Sou a Joana não sei quantas!!!

Olhei para ela. Claro que me lembrei dela!

- Ah sim... agora estou-me lembrar de ti! Foste aquela que disse que não me queria no trabalho de grupo de um trabalho de Médico-Cirúrgica só porque chegava atrasada porque tinha que levar o meu pai à quimioterapia!!! Até disseste que toda a gente tinha problemas em casa, que tu também tinhas problemas com o namorado e não era por isso que te atrasavas!!!! Como me posso esquecer de uma pessoa que equacionou QUIMIOTERAPIA com ARRUFOS COM O NAMORADO??? Fica bem!


Ela disse qualquer coisa, mas eu honestamente como  virei costas não percebi o que ela lhe disse. Durante o resto do dia, evitamo-nos.

Quando cheguei a casa fui cuscar o facebook dela. É casada com um gajo todo tatuado, tem um filho, tem imensas imagens de animaizinhos no facebook e pouco mais sei dela. E honestamente desejei-lhe um bocadinho mal. Um pequeno sustozinho, um arrepiozinho de medo para que ela se lembrasse do que ela tinha dito há onze anos atrás.

Estou eu a ser vingativa? Estou eu a ser má pessoa? Deverei perdoar algo que me marcou há onze anos atrás? Fica a dúvida...


segunda-feira, 18 de julho de 2016

Verão 2016

está a ser aquele Verão em que deveria curtir ao maximo os livros, fazer 1001 bricolages em casa e trabalhar para o bronze, mas estou a curtir um braço engessado...


É ISTO

sábado, 9 de julho de 2016

Alima no passado e do presente

CASO 1. Alima combina com alguém para uma saída a dois durante a noite. Nessa mesma tarde, recebe uma SMS a avisar que não será possível tal saída porque esse alguém está doente.


Alima 2006

- Mas estás bem? Precisas de alguma coisa? Queres que vá a farmácia comprar alguma coisa e deixo em tua casa? Um chá de cidreira e canjinha de galinha, ajuda muito! Depois avisa quando queres sair, 'ta bem?

Alima manda várias sms no espaço de 48h



Alima 2012

- Hum... que chatice.  Se precisares de alguma, avisa. As melhoras.

Alima manda 6-8 sms no espaço de 48h



Alima 2016

- Ok. Acontece aos piores . Fica bem.

Alima manda 2 sms em 48h, e se vê que a pessoa não está propriamente afim, acaba por apaga-la do whatsapp, do facebook, da vida dela...