terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Querido J.,

Somos amigos de quase uma década, do teu melhor amigo ser casado com a minha melhor amiga, de nos encontrarmos pontualmente na casa deles onde passamos juntos um bom bocado, e que continuamos a dois esse bom bocado, depois de nos meterem porta fora, porque a filha deles quer dormir, sempre tive um grande respeito e grande carinho por ti.

És o meu grande companheiro de noites no cinema, de esplanadas no Verão, de picniques e de idas à praia. 

A tua atitude no final e no começo do ano para comigo, foi muito mais que cavalheiresca, aliás, muitos príncipes dos contos de fadas deveriam aprender contigo.
Aliás, sempre pensei que este tipo de atitudes só acontecem a outras pessoas... nunca pensei que um dia aconteceria a mim.


Fiquei comovida. Fiquei mesmo comovida. Só não te abracei porque sei que odeias ser tocado.

Alima

0 impressões:

Enviar um comentário