sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

E agora que 2016 começa...

Fazendo uma retrospectiva de 2015, penso que foi um ano fantástico... Quer dizer, provavelmente por causa deste ambiente de euforia, eu só consigo recordar-me das coisas boas. E que coisas boas!!!

Em 2015, visitei e revisitei algumas cidades das quais eu tenho um grande carinho: Budapeste, Cracóvia e Praga. Estive na Roménia durante uma semana. Mergulhei nas águas quentes do Mar Negro e no Atlântico gelado das praias da Póvoa de Varzim.
Foi-me feita uma entrevista para acesso numa das mais importantes faculdades de Medicina, entrevista essa temida por toda a gente, mas graças ao meu à vontade e à minha sinceridade e ao meu espírito de improviso, tive uma mais que excelente classificação. 
Despedi-me pela última vez da cidade algures nos confins do Leste Europeu, que me acolheu nos últimos quatro anos. A despedida não foi dura, mas confesso que sofrerei de alguma nostalgia de pequenas coisas de lá. Lisboa foi a cidade que me adoptou para acabar o curso e penso que a adaptação não poderia ter sido melhor.  Procurei casa e apaixonei-me pela primeira e única que vi em Lisboa.
Conheci novas pessoas. Ganhei amigos e perdi amigos também. Mais uma vez despedi-me de pessoas que por razões geográficas não voltarei a ver novamente. 
Vibrei com a formatura de um dos meus melhores amigos. 
Fiz o percurso dos emblemáticos Passadiços do Paiva, e se tudo correr bem, 2016 será  para repetir a dose. 
Vibrei com uma espécie de Justiça Divina, sob uma pessoa que tão bem a merecia. Entristeci com o castigo divino que sofreram duas amigas minhas: uma porque o bebé não chegou a nascer vivo, a outra porque ao seu bebé de poucos meses, foi-lhe diagnosticado uma leucemia. 

Em 2015 foi o ano em que perdi o meu cão, morto de velhice. Sinto-me feliz em saber que salvei aquele ser dos maus tratos e que teve uma morte digna e pacífica, muitos anos mais tarde. 

Sim, 2015 foi recheado de coisas muito boas... Espero que 2016 seja tão bom e se possível melhor que o anterior.


Um excelente 2016!

1 impressões:

Anónimo disse...

Hummm...

Enviar um comentário