segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Da procriação

Estes dias num hipermercado fui abordada por uma senhora que lá trabalhava:

- Olá Alima...
- Hummmm... Olá!?
- Não me estás a conhecer...?- perguntou-me.
- Peço imenso desculpa, mas não...
- Sou a mãe da Cristina... uma que frequentou o infantário contigo!!! Andei contigo muitas vezes ao colo... e levei-te muitas vezes ao infantário com a minha filha! Reconheci-te por causa da tua mãe que há bocadinho estava à tua beira.
- Cristina... Cristina... Ah, a Cristina! Já não a vejo há muitos anos... que é feito dela?- perguntei-lhe com alguma curiosidade.
- Olha, está casada, vive em Inglaterra e está muito feliz por lá! E já tem três meninos e vem um quarto a caminho!!! Que é feito de ti?

Pensei durante cinco segundos no que iria responder... pensei em dizer-lhe que tinha tirado uma licenciatura, que tinha trabalhado na área durante três anos até que depois resolvi meter-me noutro curso assim que descobri que provavelmente vou ser uma solteirona cheia de estrias e mau feitio que provavelmente só vai viver para o trabalho e para os sobrinhos.

- Olhe... cá ando... solteira...e também pelo estrangeiro- respondi com uma certa dissimulação enquanto ela fazia uma cara de oh... pobrezinha.



"Três filhos e um quarto a caminho? A Cristina abusou no quarto, caramba!!!!"


Há pouco mais de vinte anos eu e a Cristina brincávamos às mães e às filhas com Nenucos... Há cerca de quinze anos ela passou a ser uma galdéria de primeira que dava beijos de língua atrás dos balneários da escola. Há dez anos ela optou por fazer os seus próprios Nenucos enquanto eu marrava para entrar na faculdade.

Awesome!

0 impressões:

Enviar um comentário