terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Feliz Aniversário

Hoje é o teu aniversário. Parabéns.
Não te vou desejar pessoalmente. Primeiro porque geograficamente não posso. Em segundo porque realmente não quero.


Infelizmente a tua data de aniversário jamais a poderei esquecer: é a mesma data de aniversário que a minha. E num tempo em que éramos felizes juntos festejamos-la juntos. Uns anos rodeados dos teus amigos, outros com os meus amigos, outros anos com a orelha colada ao telefone. Às vezes desejo que o nosso cérebro fosse como este computador em que te escrevo: quando está com problemas de memória, mando formatar. E o problema desaparece assim como qualquer memória. Mas depois lembro-me que se calhar é bom ter um cérebro com memória: é sinal que estou viva. E as memórias vão desaparecendo com o passar do tempo. Mas a experiência permanece.
Alguém escreveu que Experience is a hard teacher because gives the test first, the lesson afterwards. E de ti, só quero guardar algumas memórias e toda a experiência que adquiri contigo. Porque as lições foram bem duras. Mas felizmente acho que foram devidamente superadas.
E sim, aquela lágrima que parece brotar dos meus olhos não é de humilhação pelo facto de te ver de mãos dadas com a tua nova namorada (bem feiinha digo-te já, ao menos trocavas-me por algo bem melhor, caramba Ela se for tirar todos aqueles sinais da cara, vai parecer um campo de golf). É uma lágrima que não chega a cair por causa do tempo que de facto perdi contigo e pelo facto de lutar tanto por alguém como tu que fez de mim a pessoa com menos interesse em procurar alguém neste mundo. Por não seres a metade da minha laranja, acabei por me tornar um limão. Tornei-me insensível aos afectos. Vejo todos os homens como amigos apenas, sem o mínimo de atracção. Lutei contra marés e dragões, lutei contra o tempo e acabei por me cansar de lutar. Como disse a alguém ainda estes dias, agora é a minha vez de lutarem por mim, eu tenho os braços cruzados a partir de agora.

Feliz Aniversário a ti. E a mim já agora.

Vai-te encher de moscas.

1 impressões:

Lia disse...

Alima, minha querida, um feliz aniversário (ainda que atrasado :$).

E quanto a essa coisa a quem também desejas os parabéns, deseja-lhe só as moscas... esquece tudo o resto :D e um dia, também tu, vais ter quem lute contra marés e dragões só para te ter, e vais ser e ter tudo o que mereces.

Um beijo enorme *

Enviar um comentário